será um balanço de final de ano?

2018 batendo na porta e chegou a hora de refletir. Mais. Porque refletir devemos todos os dias.
O bom e velho tempo de fechar para balanço que fazemos todos os anos.

Tem sido até engraçado porque deixei o lovemojitos.com meio de lado essas últimas semanas depois de tanto escrever esse ano. Foram tantos textos reflexivos que postei aqui que ficou estranho esse abandono momentâneo. Venho pedindo desculpas nos últimos posts, mas é porque realmente nesse último trimestre da gravidez fiquei ainda mais introspectiva. Sei lá. Acho que precisava de um tempo para mim, para desopilar, trabalhar mais, me organizar com algumas coisas, ter tempo livre para ficar jogada vendo série, me preparar ainda mais para chegada da Sofia, etc.

Por várias vezes nas últimas 2 semanas, comecei a escrever textos para cá que parei no meio ou que descartei. Eu não sei porque exatamente, mas algo em mim não queria colocar para fora. Talvez porque eu achasse que qualquer tipo de reflexão ou planejamento agora seria cedo, considerando que ainda preciso conhecer a Sofia, aprender com ela, montar nossa rotina juntas, etc. A coisa mais importante da minha vida ainda não nasceu e isso de certa forma me travou. Acho que faz sentido né?

2017 entrou para história como um ano MUITO especial!

A verdade é que esse ano foi um turbilhão para mim.  Passei de maratonista para grávida. Uma mudança brusca. Demorei a me acostumar. O treino sempre foi uma parte essencial na minha vida. Parei por meses de comer carne, melhorei vários aspectos da minha alimentação, regredi em alguns, aprendi várias receitas deliciosas e comecei a meditar. Me conectei mais comigo. Fora da corrida, porque esse momento sempre acontecia durante a corrida.

Acho que um aprendizado incrível de 2017 foi me desligar um pouco da estética. Nunca da saúde, mas da beleza só externa. Da exigência do corpo perfeito, do ódio ao nosso corpo, das superficialidades da internet, etc. Me descobrir mais como ser humano. Tentar me olhar nua no espelho e aceitar aquele corpo. Até porque a gravidez traz mudanças graduais e isso mexe com a gente.

Isso não quer dizer que 2018 não será o ano de voltar a treinar, de adaptar com a rotina da Sofia. Será sim. Não quero abrir mão de algo que me complementa tão bem, mas 2017 me ensinou a ter um pouquinho mais de calma e paciência. As coisas vão acontecer porque eu quero, mas a vida agora não será mais só minha.

A maior lição para mim desse ano foi o acolhimento.
Senti um acolhimento comigo mesma. Busquei isso. Busquei estar mais na minha presença. Busquei acolher meus defeitos e vibrar as novas conquistas. Busquei melhorar. E isso me levou a metas para 2018:

  • Além da obvia que será curtir cada dia da Sofia, quero voltar a treinar como treinava antes. Correr!
  • Quero meditar mais, talvez entrar pro yoga.
  • quero ler mais.
  • Quero agradecer mais.
  • Estar mais presente.

Enfim, em 2018 nos veremos bastante por aqui. Aproveito a oportunidade para agradecer todos por um ano incrível de trocas. Vocês são essenciais para isso aqui ter sentido. MUITO obrigada e até ano que vem!

 

 

Author Description

Posts recentes

Sem respostas para “será um balanço de final de ano?”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos exigidos estão marcados com *


*