Rolê de Mãe: bora desmistificar a gravidez?

SAIU MAIS UM VIDEO NOVO! Ebaaaa!

Juro!
Desde que me conheço por gente, lembro de pessoas falando que ser mãe era a melhor coisa do mundo. E aposto que é mesmo. Estou ansiosa para chegada da Sofia. Realmente ansiosa. A Sofia não foi uma filha planejada, mas isso não quer dizer que ela não tenha sido desejada.

O planejamento, na minha opinião, é bastante utópico. O desejo de ser mãe sempre existiu em mim. E estou plena!

No entanto, as mudanças estão por toda parte. Inundando meu corpo de hormônios, mudando meu físico, impedindo que algumas roupas funcionam, etc. Isso pode ser besteira na maioria das vezes. No entanto, a gravidez inteira é um processo de adaptação.

Uma das coisas que mais me incomodou até agora foi o fato da barriga demorar para aparecer. Juro que às vezes não sei se comi muito ou se é a Sofia mesmo. haha. Por isso, escolhi essa foto pro post. No caso aqui, estamos entrando na 18 semana.

Pode ser que pra outras mulheres isso não tenha sido nada, mas pra mim é estranho. Engraçado porque parece que não me sinto inteiramente grávida, sabe? Toda vez que alguém me olha e fala: ah, mas nem tem barriga!

Já até chorei por isso. Para outras mulheres isso pode ser ótimo. A gravidez é tão especial porque é uma experiência unicamente sua. Ninguém vai viver igual e nem a próxima será igual.

Eu não me tornei mãe no momento que descobri que tava grávida – não mesmo. Me senti diferente, até esquisita mesmo, mas em momento algum estive insatisfeita com a criança. Mas me senti mal em falar mal da gravidez, sabe?

Cês passaram por isso?
Me senti podada. Porque escutei a vida inteira que era uma coisa natural, que a mulher se sente linda desde o primeiro momento, etc. Esse pó mágico não caiu sob mim assim que o teste de farmácia deu positivo. Ainda estou em adaptação. Tem dias que reclamo e tem dias que amo.

Vamos debater sobre isso lá no canal?
Fiz um vídeo super especial!

 

 

 

 

 

 

 

Author Description

Posts recentes

Sem respostas para “Rolê de Mãe: bora desmistificar a gravidez?”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos exigidos estão marcados com *


*