O foco tá mudando

Por 3 anos, escrevi nesse blog sobre diversos assuntos que me interessavam, entre eles, moda. Me considerava uma pessoa antenada e com um certo estilo. Estilo é relativo, né? Então me perdoem o “achismo”. No entanto, sempre fui preocupada com roupa e procurei escrever aqui sobre coisas que eu gostava e tendências da moda que eu lia e percebia.

Na maioria das vezes eram tendências as quais eu não seguia porque nunca fui de modismos. Sempre vesti o que eu achava bonito independente do momento atual das revistas de moda. Nunca coloquei aqui também mil desfiles de semanas de moda, etc, porque não sou tãooo participativa nesse sentido.

Meu blog mudou de formato algumas vezes, mas os assuntos eram mais ou menos os mesmos. Antes eu falava de moda as terças e colocava receitas as quartas, depois vieram os textos sobre relacionamento e agora moda virou tema de quarta. Então, pode parecer pela periodicidade que esse assunto mantém no blog esses anos todos que é muito relevante pra mim. Até eu achava que era. Tinha uma época em que sonhei trabalhar em grandes revistas de moda.

De uns tempos para cá, porém, fui percebendo que moda não é um assunto que gosto de acompanhar. Revistas de moda, especialmente, tem me decepcionado cada vez mais. O formato ainda antigo me entristece um pouco. Matérias sobre corpo, dieta, relacionamentos, homens sempre tratadas de forma vazia. As modelos sempre mega produzidas e magérrimas. E por fim, a falta de tato com a realidade em que vivemos. A sensação que tenho é que as revistas não querem falar pro público, elas querem ser uma ilusão.

A maioria das blogueiras que sigo – das mais famosas – não querem te “vender” um estilo de vida viável. Muitas já até falaram isso, como a Thassia Naves. Elas só postam roupas caras. Pior que isso é que a maioria só posta roupas e fala disso. Vídeo sobre recebidos? Deu. Sempre roupas, maquiagens, viagens, looks. Aquilo pra elas é um negócio, mas para gente é diversão ou uma opinião que admiramos. E sempre ver só isso cansa.

Eu já perdi as contas de quantas vezes segui e parei de seguir determinada pessoa no instagram por falta de conteúdo. A Julia Faria mesmo retrata um estilo de vida absolutamente fútil, que por vezes por ser divertido? Pode. Mas cansa.

O que eu quero dizer é que na maioria das vezes as seguidoras dessas pessoas admiram ou se inspiram nesse estilo de vida passado como real. E se frustram porque não se acham tão magra quanto ela, tão bonita quanto, tão afortunada quanto, etc. O que estou dizendo é que nos ajudaria muito ter nas revistas e nas blogueiras exemplos mais reais.

A realidade da maioria das pessoas que conheço é outra. Então, isso foi me afastando desse “mundo”. Fui percebendo que prefiro seguir pessoas reais. Pode ser que hoje eu fale isso e depois volte a seguir. Sou daquelas que dá segundas chances, mas na maioria das vezes, esse mundo da moda é pura futilidade. Num país em que mais da metade das pessoas são endividadas, endeusar essas figuras me parece problemático.

Enfim, foi pensando muito sobre isso que decidi que não quero mais falar de moda aqui de forma regular. Pode ser que um post ou outro entre na seção Dicas ou como esse Mood do dia, mas semanalmente não mais.

Hoje mesmo já havia outro post pronto sobre bolsas cruzadas, mas parei, pensei e decidi que não tinha mais a ver com o momento que estou vivendo.

Vou começar em agosto um curso de costura porque sempre quis saber costurar, talvez traga algumas coisas sobre isso também. Acho que a moda, assim como a alimentação, tem que ser sustentável. Looks reais, blogueiras reais, etc.

Eu gostaria de ver mais sobre isso.

Author Description

Sem respostas para “O foco tá mudando”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos exigidos estão marcados com *


*