não quero não querer pagar 10%

Eu não sou de reclamar muito do Brasil. Moraria em outos países certamente, sem hesitar. Apesar de deixar família para trás, etc, acho que a experiência em outros lugares vale muito a pena. Uma das coisas que me irrita mais no Brasil é que sinto que o consumidor é tratado como algo pior que lixo.

Brasília, particularmente, é uma cidade que atende MUITO mal os seus clientes. Mal mesmo. A sensação é como se eles estivessem te fazendo um superrr favor de te atender. Eu acho que não experimentei muito isso nos restaurantes do Rio e São Paulo, por exemplo, porque lá a competitividade é enorme, então os lugares realmente se preocupam em perder aquele cliente. Aqui, mesmo os lugares com atendimento BOSTA, continuam cheios.

Sinto que estou sempre um passo atrás de todos os serviços prestados no país, sendo o de telefonia sem sombra de dúvidas o pior deles. Existe um desrespeito tão absurdo com o consumidor que é até difícil descrever.

O problema disso tudo é que por conta da forma como somos tratados por essas empresas, nos transformamos em pessoas que não somos. Eu não sei se vocês sentem isso, mas parece que eles nos tiram do sério de uma maneira sem volta. Atualmente, eu não sei mais ser educada ou calma com um atendente da Claro.

Eu sinto que o serviço ruim me transforma numa pessoa ruim. Fico agressiva, fora de mim, irônica, passiva agressiva. Eu diria que sou um prato cheio para qualquer psicólogo nessas horas. E confesso que me preocupa porque na maioria das vezes a pessoa que está do outro lado da linha não tem nada a ver com isso. A burocracia atrapalha demais e alguns processos também. Claro que você pode dar a sorte de ser atendida por uma dessas pessoas que simplesmente parecem milagres.

O fato é que eu não quero não querer pagar 10% num restaurante, por exemplo. Queria poder pagar até mais se eu fosse muito bem atendida. Mas tem lugares e pessoas que simplesmente não se esforçam nem um pouco.

Recentemente, me viciei em fazer avaliações dos estabelecimentos que frequento no TripAdvisor. Me sinto colaborando minimamente que seja. Acho que o futuro também seja mais esse colaborativo para garantir que pelo menos informados sobre certos lugares as pessoas estão, né?

 

Author Description

Sem respostas para “não quero não querer pagar 10%”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos exigidos estão marcados com *


*