lovemojitos entrevista…

O ciclista Leo Michelstadter.

Faltando pouco mais de dez dias para a prova Brasil Ride, Leo topou dar uma entrevista para o blog falando da sua preparação e paixão pelo esporte. Ele participará pela segunda vez consecutiva da Brasil Ride. Para quem não conhece, essa é a maior prova por etapas de mountain bike do continente americano. O desafio dura 7 dias com provas de até 9 horas por dia, largando da região litorânea no sul da Bahia em direção ao interior, percorrendo as montanhas que dividem os estados da Bahia e Minas Gerais.

O que mais me emociona no Leo é que assim como eu (ou até mais), ele é vidrado em esporte. Ele tem mais amor por essa bicicleta do que pela família. Rsrs. E quem se dedica de forma amadora ao esporte, sabe o peso que isso tem nas nossas vidas.

O Leo, além de ciclista, é formado em educação física, dá aula na Companhia Atlética em Brasília e é analista de políticas públicas no Ministério da Saúde.
Por ser uma inspiração diária, ele é também meu treinador. Coincidência ou não, eu escolhi bem! Não sei quem tem que ter mais paciência. Eu ou ele. Acho que ele! 🙂


LoveMojitos: Como que começou essa sua paixão pelo ciclismo?
Sempre fui vidrado em esporte e, mais especificamente, em esporte de duas rodas. Na adolescência fazia enduro de moto, mas sempre andava de bicicleta para fazer tudo na vida, ir para escola, ir a casa de amigos e mais um monte de coisas… Quando comecei a estagiar em academias, a identificação com o spinning foi de primeira, aí uma coisa levou a outra. Comecei a dar aulas de spinning e comprei minha primeira bicicleta de speed (aquela de pneu fininho para o asfalto). Comecei a competir, fazer amigos. Na verdade, acho que a paixão é a tudo que a bike me oferece: saúde, amizades, histórias e risadas. Brinco que acredito que um bom ciclista é aquele que se diverte em cima da bike, e nesse quesito sou um ótimo ciclista!!!

LoveMojitos: A Brasil Ride está cada vez mais perto. Pelo que entendi, é uma das provas mais sinistras do mundo. Por que você escolheu participar dessa prova?
O mountain bike entrou na minha vida um pouco depois do ciclismo de estrada. O ciclismo de estrada tem uma lógica diferente, é mais competitivo e o resultado é algo relevante. No mountain bike não. A ideia é entrar em contato com uma experiência única na sua vida, independente se você chega em último ou em primeiro. A Brasil Ride é assim. É uma prova de sete dias duros e cansativos. Acho que o slogan da prova resumi bem tudo que ela representa. Ele diz o seguinte: “mais que uma corrida, um estágio em sua vida”. Ou seja, sofremos demais, mas estamos o tempo todo com amigos, em um momento de imersão em que nada mais importa a não ser pedalar e curtir aquele momento. E foi essa proposta, junto com o desafio de completar uma das provas mais duras de mountain bike do mundo, que me motivou a fazer, e a repetir, a Brasil Ride.
LoveMojitos: Queria que você me contasse um pouquinho da sua rotina de treinos e preparação. Todo mundo acha que pessoas que treinam assim têm ZERO vida social. É isso mesmo? Te incomoda abrir mão das coisas para treinar?
Minha rotina de treino, durante a semana, são duas horas de treino de terça a sexta, além de musculação no meio do dia, que toma uns 20 minutos no máximo. Já no final de semana pedalo entre 2 a 4 horas, a depender do momento da preparação – aí intercalo entre asfalto e trilhas.Sobre vida social, acredito que seja uma opinião muito particular. Se ter vida social é sair para baladas e chegar às cinco da manhã, realmente não tenho e nem quero ter… hehehehehe. Mas se vida social é encontrar amigos, sair para tomar uma cerveja, isso tenho demais!!!! Claro que a rotina às vezes cansa e ficamos mais em casa.. Mas se pensarmos que vida social é encontrar amigos para bater papo, dar risada e sem obrigação de hora, isso é o que mais faço quando estou pedalando.. 🙂LoveMojitos: Fala um pouquinho do que te inspira. Na hora de treinar, na vida, em tudo.
O que me inspira na vida e em tudo.. Se fosse para resumir posso dizer que amo viver!!! Claro, como todos, tenho dias ruins. Mas posso dizer que na grande maioria dos dias acordo sorrindo. Me inspira encontrar meus amigos, ver meus pais, agarrar meus sobrinhos. Me inspira subir na bike e fazer força em um pelotão, ter um treino super produtivo, ou apenas pedalar de boas para curtir o visual e dar risada. Me inspira dar aula de spinning e ver uma turma animada e terminar a aula com a sensação de dever cumprido. Cada pedacinho do meu dia me motiva, me anima. Acho bacana ver que grande parte dos meus passos foram tomados por minha escolha, que trabalhei e construí a vida que eu tenho hoje..LoveMojitos: Em termos de provas de ciclismo, tem alguma outra que você sonhe participar?
Existem duas maratonas de mountain bike que ainda sonho em participar, a CAPE EPIC (na África do Sul ) e a The Transrockies challenge. no Canadá.LoveMojitos: O que você diria para as pessoas que querem começar a treinar hoje para enfrentar um desafio grande assim? Seja uma Brasil Ride, maratona, etc?
Persistência e paixão… A preparação é a parte mais longa e dura de uma prova dessas, mas também é a parte que acho mais legal. Você perceber a evolução dentro da modalidade, passar por situações inusitadas, atingir metas, entender frustrações. A preparação e participação em provas de maratona de ciclismo ou provas mais longas é uma etapa única da vida em que você aprende muito sobre como dar prioridade e dizer não, entende o que é impor limites e perceber esses limites. Ou seja, é uma escola!

Então se tiver a oportunidade de fazer uma grande prova na vida, seja correndo, remando, pedalando, qualquer coisa, faça!!! Se proponha a jornada, ela é sua e só você será responsável pelo resultado. Para dar desculpas todo dia vai ter motivo. Eu trabalho 10 a 12 horas por dia, já quebrei o femur – então sinto um pequeno incômodo na perna depois de algumas horas pedalando, moro sozinho – preciso lavar roupa, preparar minha comida e por aí vai – e amo comer e tenho tendência a engordar. Ou seja, desculpa é o que não me falta para não fazer, mas eu resolvi fazer e isso fez toda a diferença. Ou seja, resolva fazer e vá até o final!!!

Author Description

Posts recentes

Sem respostas para “lovemojitos entrevista…”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos exigidos estão marcados com *


*