a corrida e seus obstáculos

topo_fitness

 

Correr é maravilhoso. Correr é a melhor terapia!
Quem me segue no instagram (@paulafilizola) e snapchat (paulafilizola), sabe que sou viciada!

E é um esporte relativamente barato: basta um tênis. Sei que deve ser um bom tênis, mas por algo em torno de 25o reais você compra um bom!
Quer dizer: dedicação e determinação também estão no pacote, ainda mais se você quer correr bem.

Qualquer esporte e atividade física regular dependem da nossa dedicação. Para evoluir, é preciso insistir!
E ninguém pode dizer que não insisto com a corrida. Treino há um ano e meio religiosamente 3x por semana.

Corro na rua porque é onde corro melhor e fico mais feliz.
Faço treinos longos e curtos.

Mas nunca tive acompanhamento específico. Vou na minha vontade mesmo. O quanto estou disposta a correr. E isso não é a melhor forma.
Ter alguém te acompanhando é a melhor coisa. Alguém que estipule metas. Só assim para acompanhar a evolução dos treinos.

Desde setembro do ano passado estou passando por uma fase ruim com a corrida. De estagnação. Contei aqui.

Desisti? Não.
Pelo contrário. Quanto mais me frustro no treino, mais quero treinar.

OBS: Essa foto é emblemática do filme Rocky. Esses dias assisti Creed (e amei, porque amo filme de boxe) e fiquei muito empolgada. Às vezes dá vontade de viver de esporte! <3

Passei meses correndo somente 5km três vezes por semana. Isso é ruim para quem corria uma média de 25/30 km por semana.
Somente agora estou voltando. Aos poucos. Estou insistindo. Por mais que às vezes eu desanime.

No entanto, preciso traçar objetivos para melhorar.
Conversei com meu professor e ele disse que essas fases de estagnação são normais. Preciso oferecer estímulos diferentes para o meu corpo.

E na verdade, agora que estou fazendo aula com ele, vou melhorar.
Eu sempre me dediquei melhor ao esporte: corrida, tênis, futebol.

A musculação ou exercícios de prevenção e fortalecimento, eu fazia muito pouco ou não fazia.
Mas gente, a corrida não anda sozinha. É preciso que todos os músculos trabalhem juntos para melhorar o rendimento na corrida.

Por isso, investir em alongamento, prevenção, musculação é essencial! É isso que estou tentando fazer agora. E com acompanhamento!

Espero fazer um post daqui um tempo dizendo que voltei a correr (e melhor que antes!).

Author Description

Posts recentes

Sem respostas para “a corrida e seus obstáculos”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos exigidos estão marcados com *


*